10 iguarias típicas ao redor do mundo

Uma ótima maneira de entender a história e a cultura de um país é experimentando o que ele tem para oferecer. Neste caso, especificamente, estamos falando sobre o que ele tem para servir: a culinária. Essa é uma forma deliciosa de conhecer um novo lugar, concorda? Mesmo que não precise sair da sua cidade.

Por isso, a equipe do Peixe Urbano fez uma seleção de comidas típicas pelo mundo que podem ser encontradas em restaurantes brasileiros pertinhos de você. Há opções de pratos clássicos e outros um pouco mais exóticos. Então, partiu conferir e se aventurar?

Alfajor (Argentina)

Marca registrada da Argentina, o alfajor é uma delícia feita, tradicionalmente, de massa crocante recheada com doce de leite e açúcar polvilhado como cobertura. Porém, o doce que mais faz sucesso na cidade dos hermanos e entre os brasileiros é o banhado em chocolate. Só de pensar, ficamos com água na boca.

Nasi goreng (Indonesia)

Considerado o prato nacional da Indonésia, o nasi goreng (arroz frito) é uma mistura de arroz cozido, vegetais, condimentos, com opções de ovos, carne de galinha, mariscos, entre outro. Todos os ingredientes são fritos e normalmente ornamentados com vegetais crus, como tomate, pepino, cebolinha ou chips de camarão.

Escargot (França)

O sofisticado prato é conhecido em todo o mundo. Feito com caracóis servidos na casca, geralmente, é cozido na manteiga de alho e salsa. Antes de serem preparados, os moluscos são alimentados com especiarias, vinho ou água para que suas carnes fiquem mais saborosas. E como a criação dos escargots é cheia de peculiaridades, o preço do aperitivo costuma ser bem salgado.

Tabule (Líbano)

Tipicamente libanês, o tabule é feito principalmente de triguilho, tomate, cebola, salsa, hortelã, , pimenta e suco de limão, podendo levar também outros temperos e ervas. A salada é uma deliciosa opção de entrada ou aperitivo antes do prato principal.

Tacos (México)

Muito popular no México, o taco é uma iguaria que já ganhou adaptações para vários países, inclusive os EUA e o Brasil. Feito de tortilhas à base de milho e recheado com carne, tomate, queijo e alface, o prato é perfeito para ser servido como lanche.  

Risoto  (Itália)

Tradição na Itália, a iguaria se tornou um dos pratos mais queridos pelos brasileiros. O risoto significa pequeno arroz e, normalmente, é cozido junto com caldos. Pode ser servido como entrada ou prato principal. Acompanhando um bom vinho, a iguaria fica melhor ainda. Há opções clássicas, como o risoto de pato ou de frutos do mar, além de outras mais elaboradas e com ingredientes como damasco, alho-poró, carne seca com abóbora…

Bratkartoffeln (Alemanha)

O bratkartoffeln (batatas alemãs) é um cozido feito com batatas e especiarias, como cebola, bacon, alho e sal. O prato é simples, mas o preparo tem que ser feito com atenção para que cada pedaço fique com aquela crosta crocante e deliciosa. A variação do bratkartoffeln é um dos acompanhamentos favoritos na culinária alemã.  

Shepherd’s Pie (Irlanda)

Tradicional na Irlanda, o shepherd’s Pie (torta do pastor) é feito de carne moída coberta por uma camada de purê de batata e gratinado. Assim como o nosso escondidinho de carne, a torta irlandesa é um prato simples, sem elementos extravagantes, mas tem um sabor especial.

Boerewors (África do Sul)

O prato sul-africana é um embutido e significa salsicha de fazendeiro. É bem parecido com o nosso salsichão. A iguaria é feita principalmente de carne bovina, mas pode ser também de carne suína ou cordeiro e especiarias. Pode ser grelhada, servida com polentas ou no pão, como uma espécie de cachorro-quente.

Guioza (China)

O prato é típico da culinária chinesa, mas também se difundiu no Japão e em outros países asiáticos. Recheado com vegetais ou carne, principalmente, suína, o guioza é uma espécie de pastel preparado com massa fina. Pode ser feito na chapa ou apenas no vapor. Seu formato lembra um pouco o ravioli. E é delicioso. Hummm!!! 😋

Deu aquela vontade de experimentar algum desses pratos? Então aproveite as ofertas do Peixe Urbano e tenha ótimas experiências.

Leia também:

Comida brasileira: conheça 15 pratos típicos de norte a sul do país