5 filmes imperdíveis da saga Star Wars

Estreia de Han Solo

Com estreia no mesmo dia em que Guerra nas Estrelas (1977) foi lançado, “Han Solo: uma história Star Wars”, do diretor Ron Howard, chegou aos cinemas de todo o Brasil. O longa mostra a origem e juventude de Han: suas primeiras aventuras e como ele conhece Chewbacca – seu fiel escudeiro; Lando e sua futura nave Millenium Falcon. A produção, que fez parte do Festival de Cannes 2018, nos deixou com saudade de algumas outras da saga. E, para resolver esse “probleminha”, nós do Peixe Urbano fizemos uma seleção de 5 grandes clássicos para você. Confira:

1 – Guerra nas Estrelas: Uma Nova Esperança

O filme de grande sucesso “Guerra nas Estrelas: Uma Nova Esperança” é o quarto da saga, lançada na década de 70 por George Lucas. No longa, classificado como um dos mais aclamados filmes de ficção científica já feito, o jovem fazendeiro Luke Skywalker e o contrabandista Han Solo se envolvem numa guerra com as forças imperiais comandadas por Darth Vader. Os dois têm que libertar a princesa Leia, que é mantida refém, e restaurar a liberdade e a justiça na galáxia.

Na época, a produção foi a maior bilheteria de todos os tempos arrecadando mais de 775 milhões de dólares. Atualmente, ela ocupa a 75ª posição vendas da história e, se ajustada pela inflação, é a segunda maior bilheteria na América do Norte e a terceira no mundo.

Entre os vários prêmios recebidos, o filme venceu seis das dez nomeações ao Oscar. As indicações incluíram melhor filme, melhor diretor, melhor ator coadjuvante e melhor roteiro original.

2 – O Império Contra-Ataca

Considerado pelo pelos fãs o melhor filme da série Star Wars, “O Império Contra-Ataca” foi lançado em maio de 1980 e recolheu 18 milhões de dólares nas bilheterias. Na história, o jovem herói Luke Skywalker viaja para o misterioso planeta pantanoso de Dagobah para aprender os caminhos da Força. Lá, o mestre Yoda vai treiná-lo para ser um cavaleiro Jedi.

Enquanto isso, Han Solo corteja a princesa Leia. Os dois fogem para a Cidade das Nuvens, onde são capturados por Darth Vader, que retorna para combater as forças rebeldes que tentam salvar a galáxia.

O longa foi dirigido por Irvin Kershner e escrito por Leigh Brackett e Lawrence Kasdan. Em 2010, ele foi eleito a melhor sequência de todos os tempos por uma pesquisa da britânica Lovefilm. Com 19% dos votos, a produção deixou em segundo lugar o filme “O Exterminador do Futuro 2”, de James Cameron (1991). “O Poderoso Chefão 2”, dirigido por Francis Ford Coppola (1974), ocupou a terceira posição.

3 – A vingança dos Sith

No filme, as Guerras Clônicas estão a todo vapor, e os cavaleiros Jedi estão espalhados por toda a galáxia, liderando o combate maciço contra os separatistas. Anakin Skywalker mantém lealdade a Palpatine e luta para que seu casamento com Padmé Amidala não seja afetado por isso. Seduzido pelas promessas de poder, ele se aproxima cada vez mais de Darth Sidious até se tornar o vilão Darth Vader.

O longa foi dirigido e escrito por George Lucas e foi o último filme da franquia Star Wars a ser distribuído pela 20th Century Fox antes da aquisição da Lucasfilm pela The Walt Disney Company, em 2012.  

Durante a semana de lançamento, em maio de 2005, “ A Vingança dos Sith” quebrou vários recordes de bilheteria e arrecadou US$ 848 milhões mundialmente, sendo a terceira maior bilheteria da franquia Star Wars, não ajustado pela inflação. Nos Estados Unidos foi o filme de maior bilheteria naquele ano, e no mundo ocupou a segunda posição, atrás de “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, do diretor Mike Newell.

4 – O Despertar da Força

Lançado em dezembro de 2015 e dirigido por J. J. Abrams, “Star Wars: O Despertar da Força” arrecadou 2.066 bilhões de dólares nas bilheterias. No filme, com a queda de Darth Vader e do Império surge uma nova força sombria: a Primeira Ordem, formada por Kylo Ren, o general Hux e o líder supremo Snoke. A organização sombria visa a minar o poder da República. Os três procuram o jedi Luke Skywalker, que está desaparecido. No entanto, a resistência tenta desesperadamente encontrá-lo antes para salvar a galáxia.

Após o lançamento de O Despertar da Força, o sucesso do filme gerou uma procura imediata por produtos relacionados à protagonista do filme, Rey. Porém, fãs reclamaram que não haviam colecionáveis da personagem. Na ocasião, a fabricante Hasbro atribuiu a polêmica à escassez de produtos relacionados à heroína, devido ao “estouro de vendas”.

5 – Rogue One: Uma História de Star Wars

A obra, lançada em dezembro de 2016, mostra um grupo de combatentes da Aliança Rebelde que se uniu para uma missão: roubar os planos da Estrela da Morte e trazer uma nova esperança para a galáxia. O filme faz parte de uma nova série de spin-offs, produzida pela Lucasfilm e distribuída mundialmente pela Walt Disney Studios. A ideia é mostrar histórias antes e entre as principais produções de Star Wars.

Neste caso, o longa conta os momentos antes do quarto filme da saga: “Guerra nas Estrelas: Uma Nova longa Esperança.” Com isso, a missão dos personagens em “Rogue One: Uma História de Star Wars” se conecta com o começo do “Uma Nova Esperança” e acaba onde o outro começa.

Dirigido por dirigido por Gareth Edwards e escrito por Chris Weitz, o filme arrecadou 1.056 bilhão de dólares nas bilheterias na época.

Ainda não comprou seu ingresso? Compre agora nas maiores redes de cinema do Brasil com preço menor que meia-entrada.