Dicas de viajantes para quem quer cair no mundo sem gastar muito

Pessoas que viajam o mundo. O que fazem? Como vivem? Do que se alimentam? Você com certeza tem um amigo que está sempre postando fotos de viagens em lugares incríveis, numa frequência que leva você a questionar suas escolhas na vida. Que emprego é esse que permite tantas escapadas e como encaixar essas viagens no orçamento?

Largar tudo e cair no mundo não é uma opção para todo mundo, mas é possível viajar mais, gastando menos. Conversando com pessoas que viajam todo ano para lugares diferentes, você percebe que o sonho do passaporte carimbado depende de planejamento e prioridades. Diferente do turista ocasional, viajantes retornam de suas férias já pensando no próximo roteiro. Para isso, fazem escolhas no dia-a-dia que permitam uma folga no orçamento, como trocar o restaurante caro pela comida caseira, economizar na cervejinha do fim de semana, procurar opções de lazer 0800. Uma vez que viajar é sua prioridade, os gastos com diversão se orientam para esse objetivo.

A maioria das viagens internacionais demanda tempo, um privilégio que muitas pessoas só encontram nas férias. Mas o viajante raiz não espera um ano para mudar de ares: feriados e fins de semana são ótimas oportunidades, basta escolher o destino mais adequado. Chalés, praias, cachoeiras, o que não falta é lugar para conhecer sem precisar sair do país, ou até da sua região. Dependendo da viagem, você pode gastar tanto quanto gastaria em um fim de semana mais agitado na sua cidade.

Viajar de carro pode ser mais econômico, assim como procurar campings, albergues ou pequenas pousadas com preço mais em conta. Muitas hospedagens oferecem cozinha, sendo possível economizar em algumas refeições. Se o destino contar com praias, trilhas e outras paisagens naturais, você provavelmente vai gastar menos com lazer.

Outra dica é, claro, abusar dos cupons de desconto. Pesquise pacotes de viagem e opções de hospedagem, mas também outros serviços, como locação de carro, restaurantes e passeios. Vale a pena conferir as ofertas disponíveis no seu destino, você pode descobrir boas dicas de lazer e gastronomia e garantir um jantarzinho em um restaurante badalado da cidade.

Para viagens internacionais, planeje sempre com antecedência. Fique atento ao preço das passagens e às variações do dólar ou euro. Converse com pessoas que já conheceram o país de destino para obter dicas de hospedagem, passeios imperdíveis, gastronomia local. Pesquise sobre os museus que pretende visitar e consulte a programação, muitos deles oferecem gratuidade em determinados dias. Passes culturais e vale-transporte também podem valer a pena!

Blogs de viagens estão recheados de informações sobre os mais variados destinos. Se tiver amigos que moraram na cidade ou país que você vai visitar, pergunte sobre hábitos locais de lazer, dicas de atrações menos turísticas, roteiros alternativos e outras informações que possam deixar sua viagem mais em conta, além de permitirem outro tipo de imersão.

Viajar e conhecer o mundo não precisa ser um sonho distante – e pode até virar um hábito. Uma vez que você abandona o status de turista para viajar como um profissional, o vício se consolida e você adquire mais destreza a cada viagem. É um caminho sem volta.

***

Confira as ofertas disponíveis no Peixe Urbano e comece a planejar sua próxima viagem!