Dicas para viajar com cachorro

viajar com cachorros

Quem tem cachorro provavelmente já viveu o dilema de planejar uma viagem: onde/com quem deixar o pet durante sua ausência?

As opções nunca parecem boas o bastante, pois envolvem pessoas ou lugares estranhos para o animal. É por isso que muitos donos optam por viajar com seus companheiros caninos, sempre que possível!

A experiência tende a ser muito positiva para todos, pois o cachorro estará com seus humanos, que por sua vez não ficarão preocupados com o bichinho durante a viagem.


Para onde ir

A decisão de viajar com cachorro influencia todas as demais escolhas, como o destino. O ideal é uma cidade menor, com ruas tranquilas, parques e possibilidade de atividades ao ar livre.

Você não vai deixar o cachorro sozinho no hotel, então destinos com muitos museus, passeios urbanos e noites badaladas devem ficar para uma próxima viagem. Você pode consultar amigos que viajam com cães ou pesquisar destinos na internet, anotando dicas de hotéis, restaurantes e atrações para visitar com animais.

Sugestões

Monte Verde (MG), Ouro Preto (MG), Paraty (RJ), Visconde de Mauá (RJ), Maresias (SP) e Gramado (RS) são algumas boas opções.


Hospedagem

Pesquise hotéis pet-friendly e cheque as informações por telefone ou e-mail, como:

  • Cobrança de taxa extra para levar animal.
  • Áreas de circulação liberadas para o cachorro (piscina, jardim, interior do hotel).
  • Se o animal pode ficar sozinho no quarto (não é ideal, mas você pode precisar deixá-lo durante o café da manhã ou outra situação).
  • Local onde o cachorro dorme (canil ou quarto).
  • Limite de porte permitido no hotel ou para dormir no quarto.

Preparativos para viajar com cachorro

  • Identificação: deixe sempre o animal com uma plaquinha de identificação na coleira, com o nome do cachorro e contato dos donos.
  • Documentação: certificado de vacinação e atestado do seu veterinário.
  • Mala do cachorro: ração que ele come em casa, potes para comida e água, coleira, caminha, cobertor, brinquedos, kit higiene (toalhas, shampoo, tapete higiênico, se ele usar) e roupinhas de frio, dependendo do destino.
  • Se for a primeira viagem com o cachorro, escolha um destino mais próximo e passe apenas um fim de semana, para observar como ele se sente e se comporta.
  • Procure fazer passeios de carro na sua região antes de pegar a estrada.
  • Antes da viagem, verifique se vacinas, antipulgas e desvermifugação estão em dia.
  • Leve seu cachorro ao veterinário para um check-up e peça indicações para montar um kit de emergência (medicamentos para enjoo, alergias, cortes).
  • Se o cachorro tiver algum problema de saúde, pesquise um veterinário ou clínica na cidade de destino.

Na estrada

  • Faça um passeio com o animal antes de entrar no carro, pois ele ficará mais cansado e terá mais chances de dormir.
  • Coloque a caminha dele no banco do carro, assim ele se sente mais confiante e relaxado.
  • Evite pegar a estrada em períodos de muito calor ou trânsito. Se der, saia no horário em que o cão costuma dormir.
  • Use cinto de segurança adaptado ou cadeira própria para cães. O cachorro não pode estar solto dentro do carro, e é proibido levar animais no banco da frente e em partes externas do veículo.
  • Faça paradas regulares (de 2 em 2 horas, aproximadamente) para o animal esticar as patinhas, beber água e fazer as necessidades.
  • Se a viagem for mais longa, procure dividi-la em duas partes, parando em outra cidade no meio do caminho para almoçar ou pernoitar.
  • Forre o banco traseiro com uma capa adequada, para facilitar a limpeza.
  • Leve saquinhos e lenços umedecidos quando viajar com cachorro.
  • Evite dirigir em alta velocidade, pois o animal pode enjoar, principalmente em estradas com muitas curvas. Também não é bom dar muita comida antes e durante a viagem.

Seu amigo de quatro patas vai adorar essa experiência com você (e vai até esquecer aquela vez em que você fingiu que ia passear, mas levou ele para tomar banho).

Já escolheu o seu destino?